logo Negócios SC
Simule sua Campanha

voltar

Negócios SC

Negócios SC

Comunicação

A importância da publicidade na TV para o funil de vendas

18/03/2021

A televisão já era o meio de maior alcance no Brasil antes da pandemia e ainda deu um salto imenso em 2020. Segundo a Kantar IBOPE Media, mais de 204 milhões de brasileiros assistiram à TV no ano passado.

Esse número, revelado no relatório Inside Video da Kantar, representa cerca de 96,5% da população no Brasil. O índice é muito superior aos 74% de usuários de internet no País.

Outros dados ainda se destacam no consumo de televisão — e de vídeos, em geral. É sobre isso que falaremos a seguir, apresentando também as possibilidades da publicidade na TV para o funil de vendas. Acompanhe!

Aumento do consumo de televisão

Nos últimos meses, além do maior número de pessoas assistindo à televisão, o tempo médio à frente da TV aumentou.

Em 2020, foram 7 horas e 9 minutos diários diante da programação televisiva, em média, por telespectador. São 37 minutos a mais que em 2019.

Nas 13 metrópoles brasileiras analisadas no Inside Video, Florianópolis foi a capital com maior crescimento de consumo de televisão: 51 minutos a mais.

Cada vez mais, a TV move o Brasil. Em face da pandemia, o telespectador voltou-se com maior força para os meios de comunicação de confiança, estando a televisão entre os principais. Como resultado disso, em 2020 foram registrados 38 dos 50 dias com maiores audiências nos últimos 5 anos.

O jornalismo, é claro, teve um papel fundamental nesse sentido. Ainda de acordo com a Kantar, 82% dos brasileiros afirmam ter o costume de acompanhar os noticiários da televisão.

Mas a TV também representou um alívio para o público na busca por entretenimento. Esse é o caso especialmente dos reality shows. Dos 335 milhões de tuítes referentes ao conteúdo televisivo em 2020, 287 milhões mencionaram esses programas. Séries e novelas geraram mais alguns milhões de posts.

Traduzindo esses dados em efeito para os anunciantes, isso quer dizer que a televisão ampliou ainda mais o topo de funil, trazendo mais pessoas para a comunicação da marca. Mas é possível fazer uma publicidade na TV para ir além.

Leia também: Por que anunciar na programação de jornalismo da NSC TV?

A TV se conecta com a internet na jornada de compra do consumidor. (Foto via Freepik)

Cross-media e as possibilidades da publicidade na TV

Por meio da própria televisão, as marcas podem fazer campanhas segmentadas para públicos bem definidos, trazendo apelos de meio ou fundo do funil. É o caso de anunciar em horários que alcançam um perfil de público majoritário e específico, como nos domingos de manhã na NSC TV ou no Jornal do Almoço.

Outra forma como a TV está mais presente do momento de decisão de compra se dá pela construção de pontes diretas com o meio virtual. Os QR Codes estão cada vez mais comuns na programação da NSC TV e da Globo, facilitando a chamada para ação dos anunciantes. Com isso, o t-commerce, ou comércio pela televisão, está se desenvolvendo.

Entretanto, mesmo quando se investe nos horários de maior abrangência da programação, como as novelas ou o Big Brother, é possível fazer cross-media com o digital para afunilar a comunicação.

Ou seja, enquanto a campanha na TV alcança diferentes grupos de consumidores, a marca na internet traz mensagens ajustadas a cada um deles.

As marcas têm descoberto o potencial desse consumidor “cross”, como chamado pela Kantar. Nesse perfil, 74% das pessoas realizam pagamentos pelo smartphone e 74% fazem compras pessoais on-line. A jornada de compra, portanto, para elas é bem mais curta entre o que veem na televisão e a finalização do pedido pelo celular.

Leia também: Por que as big techs investem em publicidade na TV?

Indo além do topo do funil de vendas

Entre diversos exemplos de marcas que utilizaram a TV no funil de venda, podemos citar o case de sucesso da Senior Sistemas. O mix de mídia para o lançamento da solução wiipo contou com televisão, anúncios impressos nos jornais, conteúdo patrocinado e anúncios no digital.

A estratégia envolveu um horário já segmentado na programação da NSC TV, durante a exibição do Tech SC, mas que consegue impactar mais de 237 mil telespectadores por minuto em Santa Catarina. O meio foi escolhido para aumentar o reconhecimento da marca e educar o público sobre as vantagens da solução.

A partir disso, os anúncios impressos e digitais puderam focar em fazer uma chamada para ação mais direta ao público-alvo. E os resultados dessa estratégia de lançamento da wiipo foram excelentes.

— Em fevereiro de 2020, esse projeto era apenas um projeto, uma idealização, um sonho de criarmos nossa fintech. Hoje, em fevereiro de 2021, já temos mais de 200 mil “wiipers”, colaboradores cadastrados na plataforma — afirma Bruno Bazarin Scaravelli, head de marketing da Senior Sistemas.

Para saber como usar a TV e outras mídias em todos os momentos da comunicação da marca, não perca o e-book Como otimizar seu funil de vendas com a NSC. Com ele, você pode ter vários insights para se conectar melhor com o público em Santa Catarina e fortalecer seu negócio, aproveite!


Negócios SC


Já ouviu o podcast Negócios SC? Conteúdo direto ao ponto com convidados super especiais Ouça aqui
Sucesso! Sua mensagem foi enviada.
Ops! Nós tivemos um problema mensagem não enviada.
Negócios SC NSC Comunicação linkedin facebook youtube infograico