logo Negócios SC
Simule sua Campanha

voltar

Negócios SC

Negócios SC

Vendas

O que o varejo pode esperar das vendas na Páscoa 2022?

18/03/2022

A Páscoa de 2022 será comemorada em 17 de abril e deve ter um sabor diferente neste ano. Afinal, esta será a primeira celebração normal da data desde o início da pandemia.

Em 2020, as vendas na Páscoa tiveram o impacto da primeira onda do novo coronavírus no Brasil e das restrições mais severas para conter seu avanço no País. Em 2021, uma nova onda no começo do ano voltou a preocupar o consumidor.

Agora, com a ampla taxa de cobertura vacinal e a ausência de restrições no comércio, a expectativa para a Páscoa de 2022 anima o varejo. No entanto, o cenário econômico brasileiro muda o comportamento de compra e pode afetar os resultados das vendas.

Veja mais detalhes do que esperar da data mais doce do calendário comercial no Brasil.

Maioria dos brasileiros pretende comemorar a Páscoa 2022

Neste ano, 76% dos brasileiros pretendem celebrar a Páscoa, segundo pesquisa do Instituto Behup para a Globo. Esse resultado está quatro pontos percentuais acima do número de pessoas que comemoraram a data em 2021.

A maior flexibilização para o convívio social é percebida na forma como o público deseja passar esta Páscoa. Entre aqueles que pretendem comemorá-la, 39% vão se reunir na casa de familiares ou amigos para um almoço e 38% declaram que vão preparar uma refeição especial em casa, comprando ingredientes no mercado.

Isso significa que as vendas da Páscoa vão muito além dos chocolates. O varejo alimentício como um todo, especialmente os supermercados, podem aumentar o ticket médio nas compras para a data com bebidas e alimentos diversos. Inclusive, as lojas físicas de super e hipermercados têm preferência para 49% dos consumidores na hora de comprar itens associados à comemoração.

Enquanto isso, ao presentear, os filhos serão os mais sortudos no dia 17 de abril. Os maiores presenteados nesta Páscoa devem ser estes, de acordo com a Globo:

  • Filhos e enteados: 51%
  • Pai ou mãe: 40%
  • Cônjuge: 36%
  • Outros familiares: 26%
  • Namorado(a): 19%

Amigos, netos, avôs e sogro ou sogra ainda figuram nas listas de presentes para a Páscoa 2022.

No entanto, o fator preço será decisivo nas compras deste ano, seja à mesa, seja nos presentes. Entre as maiores influências na hora de comprar produtos para consumir na Páscoa, o preço aparece em 52% das respostas, enquanto promoções e descontos vêm logo atrás, com 42%.

Leia também: Crie um anúncio de TV em pouco tempo com Vídeo Express

As famílias vão comemorar a Páscoa mais próximas em 2022. (Foto via Freepik)

O impacto da inflação nas vendas da Páscoa

A pandemia pode não representar mais a preocupação que era no ano passado, mas o varejo tem agora um desafio às vendas na alta dos preços. Segundo a Globo, 35% dos consumidores pretendem diminuir os gastos na Páscoa 2022, enquanto 43% devem manter o valor do ano anterior e outros 22% vão gastar mais.

Uma das formas de economizar escolhidas é a antecipação da pesquisa de preços e das compras. Quase metade do público (44%) deve comprar entre um mês e 15 dias antes da Páscoa. Outros 47% deixarão essa tarefa para a semana do evento.

Ainda mais marcante é a substituição dos ovos de Páscoa por itens menores. Por exemplo, já em 2021 viu-se um aumento de 306% nas vendas de bombonière no e-commerce, enquanto os ovos tiveram crescimento de 100% em relação a 2020, segundo estudo da Neotrust.

Em 2021, o ticket médio das vendas virtuais para a Páscoa ficaram entre R$ 11 e R$ 30 em sua maioria (52%). A preferência por itens menores, portanto, influencia no valor total de cada compra.

Ainda vale destacar que quase um terço do público (32%) pretende fazer ovos de Páscoa ou bombons caseiros na comemoração de 2022. Seja como fonte de renda extra, seja como tentativa de economizar, isso também mexe na dinâmica de vendas da Páscoa. E nessa mudança quem sai ganhando são os atacarejos, preferidos para a compra por 44% do público que pensa em aderir à produção artesanal.

Leia também: 5 formas de como a publicidade na TV ajuda a vender mais

Vantagem para as marcas que anunciam

Outro dado importante revelado pela Globo é que as marcas mais vistas largam na frente da preferência do consumidor. Lembrando que a pesquisa de compras será antecipada e o consumidor está mais cauteloso para esta Páscoa, escolhendo melhor os itens.

Nesse sentido, há uma concordância geral de que marcas conhecidas são mais confiáveis. E como tornar a marca mais conhecida? Anunciando nos meios favoritos do consumidor.

Entre os mais animados com a Páscoa, que fazem dela a data comercial de maior gasto no ano, há uma grande afinidade com os conteúdos da Globo. Nesse grupo, 73% das pessoas consumiram recentemente algum conteúdo da emissora à qual a NSC TV é afiliada em Santa Catarina.

Quer ver mais insights sobre as oportunidades de vender mais na Páscoa 2022? Baixe a pesquisa completa da Globo e fique por dentro.


Negócios SC


Já ouviu o podcast Negócios SC? Conteúdo direto ao ponto com convidados super especiais Ouça aqui
Sucesso! Sua mensagem foi enviada.
Ops! Nós tivemos um problema mensagem não enviada.
Negócios SC NSC Comunicação linkedin facebook youtube infograico