logo Negócios SC
Simule sua Campanha

voltar

Negócios SC

Negócios SC

Economia

O comportamento do consumidor catarinense na pandemia

07/05/2021

O cenário de pandemia mudou o comportamento do consumidor de muitas formas diferentes. Mas essa mudança não é uniforme, podendo variar conforme o padrão de renda e a localidade do público analisado.

Para saber como o consumidor catarinense tem se comportado nesse período, a Fecomércio SC realizou uma pesquisa em sete cidades de Santa Catarina. Os dados são referentes a abril de 2021 e destacamos a seguir dois aspectos: o consumo on-line e o perfil de gastos. Acompanhe.

O comportamento do consumidor catarinense nas compras on-line

O primeiro destaque diz respeito a quanto os consumidores no Estado têm usado o comércio virtual. Segundo a pesquisa, um número expressivo de catarinenses não têm o hábito de comprar on-line.

  • 40,1% não realizam compras virtuais;
  • 27,6% são consumidores ocasionais;
  • 21,8% são consumidores frequentes;
  • 7,8% tornaram-se consumidores frequentes;
  • 2,7% só fizeram compras on-line por causa da pandemia.

A partir disso, percebemos que ainda há um grande mercado a ser explorado pelo e-commerce em Santa Catarina. Mas como fazer isso?

Uma resposta para essa dúvida está em outro dado da mesma pesquisa. A média de idade entre quem não faz compras on-line é maior que a dos consumidores digitais.

  • não compram na internet: 42,5 anos;
  • fazem compras on-line: 34,6 anos.

Portanto, vale questionar o que falta para as marcas que vendem pela internet conectarem-se com um perfil de público mais maduro. Nesse sentido, é essencial ter uma estratégia de comunicação com argumentos específicos para esse perfil, diversificar o investimento em mídia para alcançar tal consumidor e comunicar com credibilidade.

Para ajudar nessa conexão, lembramos dois outros dados, desta vez da pesquisa Consumidor 2021 Versão Regional, realizada pela MindMiners para a Globo.

  • 61% dos consumidores no Sul do Brasil preferem comprar de marcas mais conhecidas.
  • 61% desses consumidores costumam pesquisar na internet sobre produtos vistos na TV.

Vê-se, então, a necessidade do investimento nas mídias essenciais para aumentar o reconhecimento da marca e o interesse do consumidor. A publicidade na televisão entra aí com um enorme poder de impulsionar os negócios também no meio digital.

Leia também: Novos dados sobre a intenção de compra no Sul do Brasil

Ainda há uma parcela considerável do público para conquistar no e-commerce. (Foto via Freepik)

Os gastos do público catarinense na pandemia

Depois de mais de um ano de pandemia de Covid-19, a Fecomércio SC também analisou como a situação vem impactando os gastos dos catarinenses.

  • 38,4% estão gastando menos;
  • 35,7% estão gastando mais;
  • 25,9% estão gastando igual a antes.

Entre os que estão gastando menos, temos uma mistura de preocupações sanitárias e econômicas. Afinal, como revela outra pesquisa da Fecomércio SC, 42,4% dos catarinenses encontram-se em isolamento total ou parcial. Isso muda o comportamento de consumo, especialmente na rua.

Nesse caso, temos cortes de gastos com entretenimento fora de casa (para 70,1% dos entrevistados), redução de gastos com roupas e acessórios (37,1%), redução de gastos com transporte ou combustível (21,7%), entre outras despesas associadas à maior circulação de pessoas.

Do lado da preocupação financeira, o melhor planejamento nas compras (54,1%) e o receio de perder ou ter cortes de renda (40,1%) são os principais fatores apontados pelo consumidor catarinense.

Já entre os que passaram a gastar mais, a maior razão é a alta de preços dos produtos (mencionada por 88,4% do público). Isso quer dizer que estão gastando mais, mas não necessariamente aumentando o consumo.

Outros motivos para aumentar os gastos incluem: mais tempo passado em casa (50%), manutenção ou reformas em casa (4,8%), compras por impulso (4,1%) e compras por delivery (2,7%).

De um modo geral, percebe-se que o consumidor catarinense está olhando os preços com atenção, mas também está disposto a gastar um pouco a mais para aliviar a tensão do momento e ter mais facilidade e conforto no dia a dia.

Veja agora outros detalhes sobre o comportamento do consumidor no Estado na pesquisa Raio-X do Catarinense. Ela oferece um guia de estratégias para as marcas aplicarem em 2021, aproveite!


Negócios SC

Negócios SC

Estúdio NSC Branded Content

Quer acessar mais dados relevantes do mercado?
Confira nossa seção de pesquisas
Clique aqui
Sucesso! Sua mensagem foi enviada.
Ops! Nós tivemos um problema mensagem não enviada.
Negócios SC NSC Comunicação linkedin facebook youtube infograico