logo Negócios SC
Simule sua Campanha

voltar

Negócios SC

Negócios SC

Marketing

O que é alfabetização de dados e por que ela é importante?

19/08/2021

Saber ler, interpretar e utilizar dados é uma competência necessária nas tarefas mais básicas do dia a dia. Ela está presente quando fazemos compras, ao identificar informações e notícias falsas, ao ver a previsão do tempo, ao acompanhar a situação da pandemia e em tantas outras atividades.

Nos negócios, esse domínio de dados é um diferencial competitivo e uma forma de gerar mais valor para as empresas. Mas, de acordo com o Índice de Alfabetização de Dados, apenas 24% da força de trabalho mundial tem esse conhecimento.

Você já conhece esse conceito de alfabetização de dados e por que hoje ele é tão importante quanto o letramento? Acompanhe a explicação.

O que é alfabetização de dados?

De acordo com a Gartner, a definição de alfabetização de dados (ou data literacy, em inglês) é a capacidade de ler, escrever e comunicar dados dentro de contextos, incluindo uma compreensão de fontes de dados e construções, métodos e técnicas que se aplicam.

No meio corporativo, pode-se ver a alfabetização de dados como o uso eficiente desses dados para gerar ações e resultados positivos nos negócios.

Contudo, a explicação mais concisa vem de Sarah Nell-Rodriguez, gerente estratégica de alfabetização de dados da Qlik: trata-se da capacidade de ler, trabalhar, analisar e comunicar-se com dados.

Para ficar mais claro:

  • Ler dados: entender o que eles são e o que significam no contexto em que são apresentados.
  • Trabalhar com dados: saber como captar, organizar e administrar os dados.
  • Analisar dados: agregar ou separar dados, aplicar filtros específicos, fazer comparações e tudo que envolve o processo analítico.
  • Comunicar-se com dados: desenvolver argumentações e narrativas baseadas em dados, sempre levando em conta quem são seus interlocutores.

A era digital propiciou o acesso a uma quantidade impressionante de dados, mas a verdade é que ainda são poucas as pessoas capazes de transformá-los em informação e decisões inteligentes.

A Gartner estimava que, em 2020, metade das organizações não teriam habilidades suficientes de alfabetização de dados e inteligência artificial para atingir o valor de negócio. Ou seja, serão empresas pouco saudáveis no longo prazo.

É por isso que tais empresas precisam se alfabetizar nesse sentido, se quiserem ser realmente orientadas por dados.

Leia também: Como começar a usar dados a favor do seu negócio

Profissionais devem ter essa competência para se destacarem no mercado de trabalho. (Foto via Freepik)

O que fazem as empresas com data literacy?

Empresas podem existir sem ter alfabetização de dados. Mas as alfabetizadas são capazes de crescer mais rápido e atingir maiores valores no mercado. Isso é o que aponta o Índice de Alfabetização de Dados, realizado sob comissão da Qlik, plataforma de análise de negócios.

Esse Índice mostra como funciona o processo de alfabetização de dados no meio corporativo.

  • Empresas com data literacy priorizam a contratação de colaboradores que sabem ler, trabalhar, analisar e comunicar-se com dados. Além disso, investem em treinamentos para desenvolver competências específicas em cada área do negócio.
  • Elas descentralizam os dados dentro da organização para que todos os setores possam tomar decisões referentes às suas atividades, em vez de depender apenas da diretoria. Para que todos tenham dados à disposição, as empresas investem em recursos e ferramentas que capturam e apresentam os dados para fácil visualização.
  • O domínio de dados é disseminado em todos os setores e colaboradores, além do marketing e vendas, e cada área do negócio deve ser capaz de gerar insights e ações com base nesses dados.

A partir desses três pilares — capital humano, decisões baseadas em dados e disseminação de dados — é que os negócios alcançam a plena data literacy.

Leia também: Business Intelligence para agências de marketing

Vantagens da alfabetização de dados nos negócios

Os verdadeiros benefícios da alfabetização de dados vêm da sua aplicação no dia a dia nos negócios, e não apenas do domínio teórico. Quando praticada, ela permite:

  • Criar uma cultura de eficiência: saber ler dados é poder questioná-los com propriedade e procurar respostas. Ao olhar para a realidade do negócio, diferentes setores poderão contribuir com ideias para tornar suas atividades mais eficientes.
  • Livrar os decisores de achismos: cada vez mais se busca justificar as ações dentro de uma empresa. Intuição e impressões equivocadas podem custar caro em um mercado supercompetitivo. Mas, com dados, tem-se uma base mais sólida para tomar decisões.
  • Ter um diferencial competitivo: dados não são apenas números: eles são tendências, são reflexos, são vontades. Nos negócios, dados também manifestam os interesses de pessoas reais, seus clientes. Saber interpretá-los e antecipá-los permite à organização criar soluções únicas e personalizadas para as necessidades do seu público.
  • Encontrar tendências e prever cenários: perceber como os dados se relacionam entre si possibilita antecipar o que pode acontecer em seguida. Assim, a empresa estará sempre um passo à frente.

A alfabetização de dados, portanto, traz importantes vantagens e, quanto maior a concorrência, mais determinante ela é para a sobrevivência dos negócios na era digital.

Para conhecer outras competências essenciais para o mundo atual, veja agora o e-book Liderança e empreendedorismo, com as dez habilidades destacadas pela ONU para empreendedores de sucesso.


Negócios SC


Já ouviu o podcast Negócios SC? Conteúdo direto ao ponto com convidados super especiais Ouça aqui
Sucesso! Sua mensagem foi enviada.
Ops! Nós tivemos um problema mensagem não enviada.
Negócios SC NSC Comunicação linkedin facebook youtube infograico