logo Negócios SC
Simule sua Campanha
Inovação

O que é 5G e o que muda com essa tecnologia?

29/01/2020

A conectividade digital será, cada vez mais, uma das marcas definidoras das ações humanas. Nos últimos anos temos visto desde carros autoguiados até cirurgias complexas feitas à distância graças à internet.

Quanto mais podemos fazer, também aumenta a demanda por maior velocidade de transmissão e de maior capacidade de conectar diferentes dispositivos. A solução para esse desafio do futuro já está sendo colocada em prática hoje: descubra a tecnologia 5G.

O que é a tecnologia 5G?

Resumidamente, 5G significa a quinta geração da internet móvel.

O 1G foi projetado nos anos 70 para transmitir a voz de forma analógica e sem criptografia, enquanto o 2G permitiu a transmissão digital criptografada. O 3G proporcionou uma revolução no acesso aos dados nos dispositivos móveis, que o 4G ampliou para dar conta do maior volume transmitido em streaming, vídeos, jogos on-line e aplicativos com atualização em tempo real, como Waze e Uber.

O grande diferencial da tecnologia 5G está na maior velocidade de transmissão, na menor latência (tempo mais curto de resposta) e na maior capacidade de conexão entre dispositivos.

Estima-se que a velocidade do 5G chegue a 10 gigabits por segundo. Isso tornará possível baixar um filme 4K de altíssima resolução em apenas 25 segundos, por exemplo. Empresas como a Qualcomm vão além e prometem velocidades de até 20 gigabits por segundo no 5G.

A maior velocidade de conexão tem a ver com o funcionamento dessa tecnologia. Todas essas gerações atuam por ondas eletromagnéticas, em diferentes frequências de banda:

  • Banda estreita: até 1 gigahertz, utilizada, por exemplo, em televisores antigos e aparelhos de rádio.
  • Banda média: entre 1 gigahertz e 6 gigahertz, como no Wi-Fi, no 4G e em televisores mais modernos.
  • Banda larga: acima de 6 gigahertz. A partir de 24 gigahertz, como será o 5G mais avançado, atinge-se as ondas milimétricas capazes de alta velocidade de transmissão em uma área restrita.

A questão é que, quanto maior a frequência, menor o alcance do sinal. A tecnologia 5G exige, então, transmissores muito mais próximos uns dos outros e seu uso será mais bem aplicado em locais densamente povoados.

Leia também: Lições de transformação digital para aplicar na sua empresa

Mais rapidez na transmissão de dados é uma das vantagens do 5G. (Foto via Freepik).

Que possibilidades o 5G traz?

É claro, a tecnologia 5G nos permitirá navegar em nossos smartphones e tablets com muito mais rapidez. Mas as possibilidades de uso vão muito além disso.

A indústria será uma das maiores beneficiadas por essa nova geração da internet móvel. Na era da indústria 4.0, em que todos os processos e até produtos são conectados digitalmente, a maior e mais rápida conectividade promete trazer índices de desempenho ainda maiores.

Empresas que lidam com processam big data por meio da inteligência artificial para a tomada de decisão ou valem-se de outros recursos em seus projetos, como digital twins, farão essas atividades de forma mais ágil.

Veremos também cada vez mais produtos com a internet das coisas (IOT). Geladeiras, fogões, sistemas de climatização e o que mais possamos imaginar, tudo estará conectado e isso demandará, por sua vez, a maior capacidade de conexão que o 5G traz.

O mundo se tornará mais e mais remoto. O trabalho poderá ser feito de qualquer lugar, veículos e cirurgias serão conduzidos à distância com maior frequência. Inclusive, a Ford já realizou um experimento em que um carro foi dirigido remotamente por um piloto a quilômetros de distância, pela internet.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=fgJBhZCCjc8]

Para a estratégia de marketing, a rapidez na transmissão de dados representa a possibilidade de trabalhar a comunicação de uma forma mais visual e interativa. Vídeos devem ser consumidos com maior frequência em dispositivos móveis. Além disso, conteúdos interativos, jogos e aplicativos das marcas devem ganhar destaque na relação com o público.

Leia também: O incrível futuro das impressoras 3D

Quando a tecnologia 5G chega ao Brasil?

Apesar de já estar sendo colocada em prática nos Estados Unidos, na Europa e na Ásia, a tecnologia ainda sofre um impasse no Brasil. Segundo a Anatel, o leilão das redes 5G deve acontecer no segundo semestre de 2020.

O 5G dependerá também de uma estrutura específica das empresas de telecomunicação para garantir a cobertura aos usuários. Estes, por sua vez, precisarão de uma nova geração de dispositivos capazes de captar essa frequência mais alta de banda. Os atuais smartphones, por exemplo, vão até o 4G.

Essa será uma implementação gradual nos próximos anos e ainda necessitará de muita informação e desmistificação para ser amplamente aceita. As possibilidades que o 5G traz, no entanto, são muitas e positivas.

Quer saber mais sobre tecnologias e novidades que estão em alta no mercado? Então confira nosso e-book especial com as principais tendências para 2020.


Content Creator

Estúdio NSC Branded Content

Tenha uma marca inesquecível! Comece agora
Sucesso! Sua mensagem foi enviada.
Ops! Nós tivemos um problema mensagem não enviada.
Negócios SC NSC Comunicação linkedin facebook infograico