logo Negócios SC
Simule sua Campanha

voltar

Negócios SC

Negócios SC

Marketing

Dicas de como usar o LinkedIn no marketing de conteúdo

21/01/2021

Cada empresa deve pensar na estratégia para redes sociais conforme a sua própria realidade. Nem sempre uma mesma solução pode ser vantajosa para todas, mas, no caso do marketing B2B, é importante saber como usar o LinkedIn para incluí-lo na sua comunicação.

De acordo com o relatório Digital 2020: Brazil, no País, há 39 milhões de usuários cadastrados no LinkedIn. É um acréscimo de 4 milhões de pessoas desde a edição de 2019 do documento.

Além disso, esta é uma das dez plataformas sociais mais usadas no Brasil, como revela a We Are Social e a Hootsuite.

Quer saber, então, como usar esse grande público para fazer marketing pessoal ou marketing entre negócios para se estabelecer como referência na sua área e gerar leads? Confira as dicas para LinkedIn a seguir!

O que é LinkedIn e por que usá-lo?

Vale destacar, primeiramente, o que é de fato o LinkedIn para começar sua comunicação com o pé direito.

O LinkedIn é uma rede profissional que atua em duas frentes:

  • Divulgar vagas de emprego, encontrar e recrutar talentos.
  • Compartilhar conteúdos que agreguem valor ao meio profissional.

Portanto, não é todo conteúdo que tem lugar no LinkedIn. E é justamente o foco no ambiente profissional que torna essa rede social tão interessante no marketing B2B, ou seja, de empresas para empresas. Ali está um público interessado em soluções para o mundo dos negócios e você pode orientá-lo até seus produtos ou serviços.

Agora, apesar de ser possível ampliar o alcance da marca por meio de anúncios, o foco deve ser em oferecer conteúdo útil, aprofundado e de qualidade. É isso que transformará você ou sua empresa em referência na área.

E não podemos falar de autoridade em determinado assunto sem nos referirmos ao marketing de conteúdo. Se há pessoas buscando, acessando e compartilhando informações, é possível ter uma estratégia para atraí-las organicamente para seus canais próprios de comunicação.

Tanto isso é verdade que, segundo um estudo do LinkedIn, 90% dos acessos a sites de empresas via redes sociais vêm apenas de LinkedIn, Twitter e Facebook. Nesse seleto grupo, o LinkedIn é responsável por metade dos acessos.

Então, é hora de fazer sua página, preencher as informações do perfil e começar a postar ao menos uma vez por semana, como sugere o próprio LinkedIn para aumentar o engajamento.

Leia também: Pesquisa avalia a presença digital das empresas catarinenses

Mesmo profissional, no LinkedIn é importante manter um tom mais individual do que corporativo. (Foto via Freepik)

Como usar o algoritmo do LinkedIn a seu favor?

A lógica interna do LinkedIn é igual à de qualquer outra rede social. Quanto mais engajamento uma publicação recebe, mais visibilidade ela ganha, o que gera mais engajamento e assim por diante.

O tempo é um fator crucial nesse aspecto. Se a publicação não tem interações nas primeiras horas no ar, a maior probabilidade é de que ela não vá longe. Por outro lado, se logo de início ela já recebe curtidas e comentários, o algoritmo do LinkedIn percebe que aquilo é relevante e decide mostrar para mais pessoas, dentro dos contatos de quem interagiu.

Se esse segundo círculo social também responde bem à postagem, a visibilidade é ainda maior. Mas como furar essas bolhas?

Postar nos horários mais adequados é um detalhe importante e traremos algumas dicas a esse respeito logo adiante. Assim, você pode estabelecer um cronograma de postagens de acordo com os momentos que estatisticamente têm maior engajamento no LinkedIn.

Outra forma de estimular essas primeiras interações é por meio de grupos com interesses afins ou dos próprios colaboradores da empresa. Ao divulgar seus conteúdos entre as pessoas mais próximas ou com maior afinidade, é possível ter uma boa impulsão inicial nos posts, artigos, vídeos e o que mais publicar por lá.

Leia também: 5 redes sociais para sua estratégia além de Facebook e Instagram

Boas práticas para fazer marketing de conteúdo no LinkedIn

Uma vantagem do LinkedIn é que se pode crescer organicamente dentro dele.

Nesse sentido, além de oferecer conteúdo de qualidade, com foco no público digital que interessa ao seu negócio, existem algumas boas práticas para ter mais visibilidade e maior engajamento na rede social profissional.

Melhores horários para postar no LinkedIn

Dados da Sprout Social indicam que os melhores horários para postar no LinkedIn são das 9h às 12h de quarta-feira; às 9h, 13h e 14h de quinta; e 9h de sexta.

Já a CoSchedule é um pouco mais abrangente: antes do trabalho, um pouco antes do horário de almoço e no fim do horário comercial seriam os melhores momentos para publicar no contexto do marketing B2B.

Imagens ajudam a aumentar o engajamento

De acordo com o próprio LinkedIn, o uso de imagens nos posts geralmente resulta no dobro de comentários.

Vídeos no LinkedIn também são boa ideia

O LinkedIn revela que vídeos têm 20 vezes mais probabilidade de serem compartilhados pelos usuários que qualquer outro tipo de conteúdo na rede social. Além disso, as marcas têm sete vezes mais reações e 24 vezes mais comentários em transmissões ao vivo que em vídeos normais.

Cuidados com os títulos dos artigos

No caso de artigos, a OkDork aponta que os artigos com maior número de visualizações têm entre 40 e 49 caracteres. Logo em seguida vêm aqueles com 30 a 39 caracteres.

Outros dados interessantes mostram que:

  • Artigos com títulos de “como fazer” ou listas têm maior número de visualizações.
  • Títulos com perguntas têm menor número de visualizações que os demais.

Artigos mais longos e com mais imagens fazem sucesso

Com relação ao conteúdo interno dos artigos, a OkDork ainda informa que textos acima de 1.900 palavras são o ideal, sendo o patamar com mais visualizações médias. Mas a partir de 1.700 palavras o desempenho já começa a destacar-se da média geral.

Nesses conteúdos longos, aproveite para usar várias imagens como separação entre trechos e ilustração do que está sendo explicado.

Use hashtags

Por fim, na hora de publicar no seu mural, insira algumas hashtags relevantes para o conteúdo em questão. Elas ajudarão a levá-lo até mais pessoas interessadas no assunto.

Para saber quais são as melhores hashtags no LinkedIn, basta usar o campo de pesquisa e ver quais têm sido mais usadas nas conversas dos usuários.

Viu como é possível usar o LinkedIn para aumentar o alcance orgânico da marca por meio do marketing de conteúdo entre negócios? Saiba então como qualificar seus leads que vai conquistar a partir de agora.


Negócios SC


Já ouviu o podcast Negócios SC? Conteúdo direto ao ponto com convidados super especiais Ouça aqui
Sucesso! Sua mensagem foi enviada.
Ops! Nós tivemos um problema mensagem não enviada.
Negócios SC NSC Comunicação linkedin facebook youtube infograico