logo Negócios SC
Simule sua Campanha
Marketing

A relevância da marca e o papel da empresa na crise

06/04/2020

Para manter a relevância da marca em meio à crise do novo coronavírus, as empresas precisam agir. Muito mais que discursos, são as ações que definirão aos olhos do público o posicionamento delas.

O momento é de muita incerteza, mas tudo indica que ainda conviveremos com o impacto do novo coronavírus por alguns meses. Primeiro, freando o surto inicial; depois, lidando com novos ciclos do vírus e com a questão do distanciamento social.

Não à toa, a publicação Campaign define que estamos em guerra e todas as empresas são chamadas a cumprir seu papel. A definição ecoa o pensamento de Angela Merkel, chanceler da Alemanha, que comparou o desafio de superar o coronavírus ao da 2ª Guerra Mundial.

Mas, antes de partir para ação, existem alguns pontos que sua empresa deve considerar agora.

5 pontos para manter a relevância da marca

Hora de comprovar seu propósito

Costumamos falar aqui da importância de ser uma marca com propósito definido e se fortalecer não só comercialmente, mas institucionalmente. E quando falamos de propósito, não se trata apenas de uma mensagem bonita na página de missão, visão e valores da empresa. É viver essas palavras no dia a dia.

Agora a sua missão de melhorar a vida do consumidor será posta à prova. Que soluções, alternativas e flexibilizações sua empresa pode oferecer neste momento?

Como diz a sabedoria popular: é nos momentos difíceis que conhecemos nossos verdadeiros amigos. Manter ou conquistar um público fiel nesta hora depende da sua capacidade de materializar a missão, a visão e os valores do negócio.

Leia também: Os mandamentos da área de relacionamento com a cliente da Arezzo&Co

Escolha suas batalhas

Existem inúmeras maneiras de ajudar no combate ao coronavírus. Algumas empresas conseguem ter uma atuação mais direta nessa luta, com a produção de itens de higiene para doar, como a WEG, ou de uso hospitalar, como uniformes pela Hering.

Outras empresas estão adaptando serviços para oferecer soluções específicas para este momento. O laboratório Santa Luzia reforçou o atendimento domiciliar e isentou de taxa as pessoas acima de 60 anos. A OLX criou uma área dentro da plataforma exclusiva para doações. O Shopping Itaguaçu está ajudando o público a aproveitar melhor o tempo em casa.

Sua empresa não conseguirá batalhar em todos os frontes ao mesmo tempo nem na mesma dimensão que outras companhias. Por isso, escolha suas batalhas e comece ajudando seu público-alvo como puder, seja oferecendo uma solução, seja doando a quem precisa. 

Decisões rápidas

Tempos extraordinários requerem medidas extraordinárias. Neste momento, processos de tomada de decisão devem ser encurtados e “desengessados” para que se possa agir onde seja necessário.

Um caso exemplar disso é o do grupo LVMH, responsável por grandes marcas como Christian Dior e Louis Vuitton. A aprovação para que uma das fábricas de perfume da Dior passasse a produzir álcool em gel veio por mensagem no WhatsApp de Bernard Arnault, diretor executivo. Nada de comitês ou apresentações de Power Point.

Portanto, mantenha os canais internos abertos e reduza as hierarquias para que as ideias e ações possam fluir rapidamente.

Leia também: Como unir Marketing e Vendas para aproveitar ao máximo os Leads

Pequenas doações podem fazer uma enorme diferença. (Foto via Freepik)

Tudo é marketing

No Brasil, a Ambev também está destinando uma das fábricas para a produção de álcool em gel. A iniciativa não partiu do marketing, mas tem contribuído fortemente para melhorar a percepção da marca com esta ação.

Extrapolando esse pensamento, podemos dizer que o inverso também é verdadeiro: qualquer ação fora da área de marketing pode prejudicar a empresa e diminuir a relevância da marca. Todos os colaboradores, de qualquer nível, devem ter imenso cuidado com declarações públicas que possam gerar uma repercussão negativa entre o público.

Um por todos, todos por um

O último ponto que desejamos destacar é a necessidade de colaboração entre as empresas para o enfrentamento à crise do novo coronavírus. Não são apenas negócios específicos que estão sendo afetados, mas cadeias produtivas inteiras.

O momento pede mais cooperação que competição. Nesse sentido, a metáfora de estarmos todos no mesmo barco nunca foi tão verdadeira: se todos remarmos para a mesma direção, navegaremos mais facilmente por essas águas tumultuosas.

Descubra os bons exemplos de empresas que estão colaborando com o Estado no canal Juntos Por Santa Catarina. Aproveite também para conferir o e-book Marketing e Vendas para Pequenas e Médias Empresas. Nele você descobrirá como melhorar processos nessas áreas, justamente quando mais precisa de otimização. Baixe grátis.


Content Creator

Estúdio NSC Branded Content

Tenha uma marca inesquecível! Comece agora
Sucesso! Sua mensagem foi enviada.
Ops! Nós tivemos um problema mensagem não enviada.
Negócios SC NSC Comunicação linkedin facebook infograico